Aves

Incubação diretamente na granja: Você pode ver os pintinhos nascendo, e isso é maravilhoso

2 min leitura publicado em 6 Dezembro 2020
X-Treck

Jan Quirijnen (55) de Lage Mierde cria frangos. Em três aviários há 76.800 frangos de crescimento lento. Jan testou extensivamente sistemas e produtos para a incubação de pintos no aviário. Ele acabou escolhendo o X-Treck, porque este sistema é, na sua opinião, o mais completo.

Todos os três aviários de Jan estão agora equipados com este sistema. Jan: Há algum tempo, pedi emprestados racks a um colega; foi assim que comecei. Funciona com um aviário, mas torna-se demasiado trabalhoso se se começar a trabalhar com racks em três aviários. O X-Treck é muito mais fácil e menos trabalhoso. Como produtor artesanal, tenho galinhas Star que tornam-se Jumbo e são alojadas em um aviário de 100 metros de comprimento com 25.000 pintos. É por isso que posso trabalhar facilmente com uma linha de X-Treck por aviário. 

Melhor trato intestinal 

Um começo sem estresse para os pintos; é assim que a incubação diretamente na granja é frequentemente descrita. Jan Quirijnen concorda totalmente: Porque os ovos eclodem no aviário, os pintos não sofrem de estresse pela abstinência como em um centro de incubação e durante o transporte do centro de incubação para a granja. O fornecimento de alimento e água é a base para uma boa flora intestinal desenvolvida. Além disso, as bandejas incubadoras são automaticamente transportadas para dentro e para fora do centro de incubação; isto me poupa trabalho extra. Depois da incubação dos ovos, já não tenho de andar atrás dos pintos, e posso coletar as bandejas incubadoras e remover facilmente as cascas dos ovos. A redução do estresse torna o pintinho mais saudável e mais ativo. Também ouvi dizer que o uso de medicamentos é menor com o X-Treck, mas não tenho como julgar isso muito bem. Há galinhas de criação artesanal nos meus aviários, e em três anos não tive de aplicar qualquer medicação. 
 
Claro que deixar os pintos chocarem diretamente na granja significa que a temperatura tem de estar em ordem. Asseguro-me que a temperatura no aviário é de 36 graus Celsius; a temperatura dos ovos deve ser de cerca de 37 graus. Quando comecei a construir novos aviários, escolhi fogões a lenha, que funcionam a baixo custo. Utilizo um trocador de calor, e ele funciona bem com o sistema X-Treck. Por baixo do piso tenho aquecimento por piso radiante, que é bastante incomum. Sem aquecimento por baixo do pavimento, trabalhamos com uma faixa de plástico que é montada sob o sistema X-Treck. Por causa do aquecimento por piso radiante, não preciso de um aquecedor. As crias podem procurar por si mesmas a temperatura que mais gostam no chão do aviário. 

Como um sopro  

O sistema é muito fácil de limpar: Basta usar o pulverizador de alta pressão sobre ele e pulverizar onde é necessário de uma forma mais direcionada. Muitas peças são feitas de aço inoxidável, o que é rápido de limpar. E os pintos ficam no sistema apenas durante dois dias, por isso, não fica realmente sujo. Se o sistema tiver partes em plástico, você provavelmente terá mais limpeza a fazer. 
 
Jan resume novamente: O X-Treck é um belo sistema. Agora há mais trabalho de limpeza, e a sujeira tem de ser removida, porém podemos ver a incubação e os pintinhos nascendo, e isso é maravilhoso, sem contar a saúde que desenvolvem ao longo de seu crescimento. Como os pintos podem comer desde o primeiro dia e não ficam estressados com o transporte, isso causa um bem-estar muito melhor, o que resultará em ume proteína de mais qualidade. Mas penso que o avicultor deve continuar a ter a escolha e não acho que as organizações de proteção dos animais devem tornar obrigatória a eclosão dos pintos diretamente nas granjas. 

Contate-me

Picture of Edwin Vlems

Publicado por

Edwin Vlems
Edwin Vlems é o Diretor de Marketing do Vencomatic Group.

Cresça seu negócio com
o menor impacto ambiental

Duas coisas que todos amam.